Estudo de custos e de ganhos em saúde alcançados pelos hospitais do SNS na luta contra a COVID-19

Formulário


Este é um estudo de participação voluntária realizado em co-autoria pela Universidade Autónoma de Lisboa, pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge e pela Sociedade Portuguesa de Cuidados Intensivos.

Tem como objetivo estimar os custos e ganhos em saúde da intervenção possível nos hospitais portugueses SPA, EPE e PPP, para tratamento de doentes infetados com SARS-CoV-2.

Esperamos contribuir para uma maior capacidade de planeamento de recursos em futuras pandemias, facilitar o apoio à decisão da gestão hospitalar do SNS e do Ministério da Saúde (DGS e ACSS), comparar o desempenho político e operacional do SNS português com o dos outros estados-membros da UE na COVID-19 e analisar o seu impacto no orçamento do Ministério Saúde/ das Regiões Autónomas.

Para tal, é essencial a participação da equipa médica e de gestão dos hospitais nacionais, no sentido de se realizar uma estimativa dos recursos usados no combate à COVID-19 e dos custos associados a cada recurso, nesse hospital, de 1 de Março a 31 de Maio.

O questionário é confidencial, os dados recolhidos serão arquivados e usados exclusivamente para efeitos de investigação científica, respeitando as normas prescritas pelo RGPD (Regulamento Geral da Proteção de Dados (UE) 2016/679 do Parlamento Europeu e do Conselho da União Europeia).

A coordenadora da investigação e responsável pelo estudo é a Prof. Doutora Denise Capela dos Santos, Professora Auxiliar da Universidade Autónoma de Lisboa, com o email dsantos@autonoma.pt.

Esperamos contar convosco. A colaboração de V. Exas. neste estudo é essencial para termos acesso a dados do nosso país, fundamentais para a melhoria da gestão estratégica nos hospitais portugueses e logo, para a saúde da nossa população.

Antecipadamente grata,
A equipa de investigação